Tuesday, December 14, 2010

São Paulo terá Virada Sustentável em 2011

Faço parte desse projeto, que promete bastante.

Que tal estrear a sua agenda 2011 reservando os dias 4 e 5 de junho?
Matéria publicada no jornal O Globo.

"A cidade de São Paulo já tinha sido pioneira no projeto da Virada Cultural, que tem como objetivo fazer com que os habitantes do município respirem arte de qualidade durante 24 horas. No ano que vem, a capital paulista deve fazer moda mais uma vez com um novo viradão, agora com foco na sustentabilidade. Com apoio das secretarias de Meio Ambiente, tanto municipal como estadual, a Virada Sustentável vai acontecer nos dias 4 e 5 de junho de 2011 e promete fazer com que os paulistas e visitantes que estiverem por lá vivenciem possibilidades de uma vida mais sustentável. A expectativa é que o evento ganhe espaço em outras cidades, tudo indica que inclusive no Rio de Janeiro.

Serão 170 atrações espalhadas pela cidade, especialmente em museus, parques e centros culturais. Todas gratuitas. Segundo o coordenador do evento, André Palhano, a ideia é aproximar os cidadãos das discussões acerca da sustentabilidade, que muitas vezes parecem distantes da vida cotidiana:

Já existe muita gente trabalhando em projetos que envolvem a sustentabilidade em diferentes áreas. A ideia da Virada Sustentável é reuni-los e fazer com que as pessoas parem para pensar um pouco em tudo isso. Serão shows, exposições, instalações e diversos projetos ligados a ecoeficiência, mobilidade urbana, reciclagem e etc. São exemplos de alternativas para que possamos viver, de fato, em cidades melhores. A própria ocupação de espaços públicos traz também essa concepção. E isso é algo que pode melhorar e muito em São Paulo.

Entre as instalações estará a do artista Guto Lacaz, que vai colocar piscinas de água limpa no meio dos rios (já bastante poluídos) de São Paulo (foto), para chamar a atenção das pessoas para a falta de consciência em relação a recursos naturais tão importantes, como a água. Além disso, haverá aulas de meditação, desfiles de moda inclusiva, exposição fotográfica do francês Benjamin Béchet, que mostra a vida em Ecovilas, um labirinto de lixo, apresentações do grupo Doutores da Alegria, entre muitos outros programas. Os shows ficarão por conta de músicos e bandas que se relacionam com a temática, como Lenine e Hermeto Pascoal.

O objetivo é observar a sustentabilidade por um ângulo mais otimista e também mais amplo, incluindo questões sociais e econômicas, para além dos problemas ambientais. E o patrocínio virá de recursos do setor privado. "

1 comment:

LeoJandre said...

Oi,
Guto Lacaz é figura carimbada na cena artística paulistana.
A nossa "linda juventude pop" com certeza lembrará das suas contribuições na trupe do Angeli em quase todos os números publicados da Chiclete com Banana.

Para matar a saudade:
http://www.gutolacaz.com.br/grafica/omebojeto/omemhobjeto.pdf

Bjx gt.